di Valquiria de Oliveira Domenica 7 aprile 2013
 Conheço a história de uma moça, cujos filhos tiveram alergia a lactose. Ela era pobre e não tinha profissão, o marido, não tinha condições de cuidar da família. Durante anos, os pais desta jovem senhora deram sustento à sua família, leite especial, cujo preço deixo de mensurar, roupas, calçados, remédios, consultas médicas, tratamento odontológico, para os quatro, principalmente para garoto que quase perdeu os dentes em um acidente ecolar, até tratamento pra emagrecer foi pago para a filha. Um dia, esta filha quis fazer uma linda festa para seu amigos, como não tinha dinheiro ameaçou o pai parar de beber os medicamentos que ele custeava. Ele ficou arrasado. O coração ficou partido. Não e sabe e ela fez isto com o conhecimento dos filhos e do marido, mas ela conseguiu que o pai lhe emprestasse o dinheiro com esta ameaça. Depois disto, o netos, a filha ingrata e o genro, todos, que foram alimentado pelo dinheiro dos dois anciões abandonaram-nos. Fingem que estão mortos. Vão a poucos metros de sua casa todo final de semana guardar um carro na garagem da tia e não vão ver os avós. Sabe o que é revoltante nito tudo? Quando pessoas assim dizem ter algum sentimento de carinho ou de respeito pelos outros. Na verdade, quem lê a bíblia sabe que Deus é amor, perdão, benignidade e que mesmo que aquele velho casal estivesse errado, a filha, o genro e os netos jamais poderiam fazer tamanha crueldade. Não se deve cuspir sobre o prato no qual comemos. Espero que Deus tenha misericórdia desta família, que se arrependam de seus pecados antes que o pai/mãe/avós faleçam, porque se um deles derramar uma única lágrima em seu velório, peço a Deus que cada uma delas seja contada como maldição, para levá-los à compreensão do bem e do mal. Sabe, nós temos que valorizar à pessoas que cuidaram de nós e zelaram pela nossa integridade física e mental. Mas, como cristãos temos que amar as pessoas que se esquecem disto, então passem esta mensagem pra frente, para que as pessoas que estão praticando este tipo de maldade, deixando os pais e os avós no abandono se arrependam diante de Deus e dos homens e encontrem a luz de Cristo Jesus. Beijocas P/S:  o casal de idosos não está precisando de dinheiro, está precisando do amor dessas pessoas ingratas que deixaram de ir visitá-lo há alguns meses atrás. Eles estão muito doentes. Eu espero que esta mensagem chegue ao coração destas pessoas para que se arrependam de sua maldade antes que seja tarde e não possam pedir perdão a eles e a Deus.
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 10 ottobre 2012
Ah! se me amasses como dizes! ficaria sob encanto destes olhos renderia mil deleites ao teu corpo sabotaria o meu próprio ego.   Ah! se fossem reais teus votos! quão bom seria debruçar-me na janela como beija-flor debruça-se sobre a rosa e beijar-te levemente sobre a fronte.   Ah! se fossem sinceras as tuas palavras não seria eu seria outra.   RESPOSTA AO POEMA DE MACHADO DE CARLOS, EU TE AMO. SEMPRE!  É bom brincar com as palavras e fazer poesia da poesia. 10/10/12 - Itaúna/MG 9:56
di Valquiria de Oliveira Sabato 22 settembre 2012
BEIJO-TE   COM O FUROR DAS MARÉS EM MEUS LÁBIOS APOSSO-ME DE TI INSTANTE BREVE E COMO ONDA DERRADEIRA ESCORRO PARA O LEITO SUSSURRANDO AO VENTO PALAVRAS SOLTAS E A BRISA, MINHA COMPANHEIRA, ESPALHA NOSSO ODOR   RELAMPEJO, FAÍSCO, ME DISSOLVO EM MOLÉCULAS ÍMPARES ENEGREÇO, TURVANDO O (IN)CONSCIENTE REVERBERO, CRIANDO ONDAS CRIPTOGRÁFICAS, HEMORRAÁGICAS, PARAFÍLICAS E O PARAÍSO SE FUNDE COM ESTA LOUCA REALIDADE EM PLENITUDE   EXPLODO, DEVASTO TEU CORPO COM OLHOS ÁVIDOS DEIXO-TE DO AVESSO CONTRARIO TEU DESEJO. ESPERNEIAS. MÓVEIS TEORIAS CIRCUNDAM TUA ESFERA OCULAR  PENETRO TEUS SONHOS, INDELICADA. FUNDEM-SE OS MEUS COM OS TEUS... SUORES FURIOSOS   AMANHEÇO NUANÇAS DE VERDE AMÁLGAMA NOS COBREM DESFOLHAMOS O ANOITECER FUNDIMO-NOS INSANOS EM ONDULADOS DESVARIOS ENCONTRAMOS O ACONCHEGO NO SILÊNCIO FRIO.   por Kira Oliver (meu heterônimo)   Itaúna, 21/9/2012   Valquíria de Oliveira
di Valquiria de Oliveira Venerdì 7 settembre 2012
pretty eyes                        belos olhos   sweet smiles                    doces sorrisos   pretty little lies                 mentirinhas agradáveis   in my brain                       em meu cécebro   follies fly                          loucuras voam   the heart is dancing        o coração está dançando   in the sky                        no céu   truths in fire                    a verdade no fogo   lovers cries                      amores choram   Sweet little lies                doces mentirinhas 6/9/2012 Valquíria de Oliveira, como Geanne vom Hainer
di Valquiria de Oliveira Martedì 7 agosto 2012
 Ah que sou eu, tua Guadalupe De belas tranças, lisonjeiro rebolado Sou do espelho, este tresloucado Imagem de imortal candura. A vida no porvir é uma eternal tortura Ah! que teus beijos desejei, doçura!   Estava pronta a receber-te em meu leito Suaves, ternos, desvairados sonhos, mas eu me fui, partindo, tu ficando Dizem que os mortos não sofrem e é mentira Pois vi em teu rosto, todo desespero Inglórios passatempos na ausência fria.   Deleitava-te de recordar de memorável dia. A arapuca que o destino armou... Façanha da Megera revoltosa Valha-me Deus! que deste mal poupou-me Pois se fosses tu, eu também não resistia Guadalupe! Guadalupe! tu dizias!   Ah! tortura, ah! lamentos, ah! covardia Minha alma, em teu pranto desfazia.   Acabei de de o compor meu querido De Carlos, em complementação à tua poesia Guadalupe. Espero que aprecie. Itaúna, 06 de agosto de 2012. 20:22 h. Beijocas
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 18 luglio 2012
Poemito que fiz para Valquíria de Oliveira: ÉS BELA, ÉS POEMA SEM PALAVRAS, PORQUE AS PALAVRAS QUE EU TINHA QUE DIZER SE CALARAM NO ESPANTO DE TI! Vetorcultural Pedro Rodrigues.   ...a coisa mais bonita que pode existir é ter o coração sempre aberto ao Amor; significa que as teias carcomidas do tempo estagnado não te alcançaram; ...mas as vezes me afogo em lágrimas; Vetorcultural Pedro Rodrigues   Para Valquíria de Oliveira ------ Ouvindo a Estrela   quero te ler aprender todas as tuas palavras percorrer teu dicionário, do gemido ao êxtase não te calar, e também te escutar como o vento escuta as folhas a verdejarem     para Valquíria de Oliveira Versito de Vetorcultural Pedro Rodrigues ..este verso é lindo; pena que não o escrevi; mas quem sabe não o leio!     para Valquíria de Oliveira  Sem Palavras és muda de ti mesma; e sempre te recrias para espantar o mundo com tua beleza ...mulheres, não as tenho e se tivesse, ou seria uma, ou outra ou na mesma, as duas embora fossem todas...ti! Poema de Vetorcultural Pedro Rodrigues para Valquíria de Oliveira     quem? tu? tú, tú, tú perguntou o passarinho azul: onde está minha cor? e o peixinho disse: blue, blue, blue, blue; poemito de Vetorcultural Pedro Rodrigues      Poema de Vetorcultural Pedro Rodrigues feito para Valquíria de Oliveira Rosa Cardinada queria te encontrar no mangue nas beiradas no vale, na pequena margem do córrego óh, rosa cardinada; flor espalhada, aberta em pétalas de amor; queria te encontrar vestida de nua; suando como se fosses rua, calçada quente sob o sol querendo te correr;    Valquíria de Oliveira seja sempre esta folha verde a cair sobre nossas manhãs;
di Valquiria de Oliveira Giovedì 21 giugno 2012
  Não perca o teu costume comigo   Quero ser o teu costume         O teu vicio         O teu desejo         Ah! se eu te pego!         Esses labios carnudos     aaaamo!         Estes cabelos cacheados         Teu cheiro morena cravo e canela         Teus olhos nos azuis dos meus olhos         Tua pele na minha pele         Teu calor na minha quentura         Teus seios nos meus lábios         Minhas maos nas tuas costas         Abraços apertados         Beijos molhados         Linguas roçando linguas         Mordidas nos teus labios         Afagos nos teus cabelos         Viajando no teu corpo.   POETA: SERPE RAMOS
di Valquiria de Oliveira Giovedì 26 aprile 2012
Já faz muito tempo que não escrevo. Hoje a poesia deu as caras e escrevi como que embriagada, para alguém muito especial que, espero, se reconheça nestas mal traçadas linhas. Um menino travesso, um cupido, que traz sempre em si a imagem de um anjo. O AMOR deu as caras, ou talvez eu tenha dado a cara ao AMOR, não sei, fato é que eu escrevi como se estivesse amando. Então, como sou uma escritora do AMOR, sim, estou amando!   TENHO PENSADO EM VOCÊ MENINO COM OS LÁBIOS ENCARNADOS E OS OLHOS ENCANTADOS DE TERNURA   TENHO SONHADO COM SEU BEIJO SEU TOQUE SUAVE, SEU CORPO SUADO DE PURA ENERGIA   TENHO DESEJO ESCONDIDO... BANDIDO! QUE PUNE MEU CORPO À REVELIA. ESCORREGO OS LENÇÓIS, PULO DA CAMA, MAS EM CARACÓIS, DIVAGO, CHAMO   MEU DOCE PECADO, ACOMPANHADO DE TERNA EMOÇÃO, COMOVE E MEU CORAÇÃO, ATORDOADO, PROMOVE NOITES LONGAS DE INTENSA INSÔNIA.   Itaúna, 25 de abril de 2012 às 18:50 horas   Valquíria Oliveira Martins como Geanne vom Hainer
di Valquiria de Oliveira Martedì 17 gennaio 2012
  Sinjus Mg Acompanhe informações sobre mudanças na assistência à saúde do IPSEMG. http://bit.ly/AjimEu SINJUS-MG | SINDICATO DOS SERVIDORES DA JUSTIÇA DE SEGUNDA INSTÂNCIA DO ESTADO DE MINAS GERAIS www.sinjus.org.br A partir de 1º de janeiro de 2012, com a promulgação da Lei Complementar nº121, que alterou a Lei complementar nº 64 de 2002, os servidores e pensionistas que se vincularem ao Estado deverão fazer adesão de assistência à saúde prestada pelo IPSEMG para ter direito ao benefício. Todos os inscritos a... Curtir · · Compartilhar · há 3 horas · 1 compartilhamento   Valquíria de Oliveira As mudanças são muitas. Estranho o fato de que o IPSEMG foi privatizado e que nenhum sindicato de servidores fez qualquer movimento contra, afinal o instituto foi criado por servidores e é para servidores, não consigo entender o silêncio dos nossos sindicatos. Agora, para amaciar os idiotas, que somos nós, ele colocaram limite de idade dos filhos para 35 anos de idade, com limite dos descontos, mas (escrevo hoje para que se lembrem no futuro) com o tempo, depois que todo mundo esquecer que o IPSEMG é nosso e não de alguma empresa (estrangeira ou nacional) novas leis virão, recuarão o limite de idade dosfilhos dependentes, excluirão os conjuges da dependência, ou quem sabe cobrarão à parte por eles. Um dia, vocês vão ler este pequeno texto, e me responderão se valeu a pena aceitar tão passivamente essa manobra do governo. Agora é só questão de tempo para vermos o IPSEMG se tornar uma grandiosa instituição que atende a todo mundo, menos ao servidor do Estado de Minas Gerais. Itaúna, 17 de janeiro de 2012. há 2 minutos · Curtir
di Valquiria de Oliveira Domenica 27 novembre 2011
Eu queria que as palavras fruíssem facilmente. Que elas saíssem num só jorro, como em tempos de outrora. Queria não ter que confessar o meu fracasso: Escrevo quando estou amando e não amo ninguém agora.   (in Retalhos de Theo Santos)
di Valquiria de Oliveira Venerdì 4 novembre 2011
Geralmente, as pessoas que cultivam a alma e os sentimentos são solitárias e de poucos amigos, não porque incapazes de amar, ou se envolver, mas porque algumas vezes, para encontrar o caminho da luz é necessário certo distanciamento do mundo exterior. A gente não consegue dar-se conta que grandes seres humanos como: Madre Tereza, Gandhi, entre outros, embora sempre rodeados de muita gente, que  confunde-se com "amigos", eram seres sublimes em busca de uma verdade superior, em busca de sua própria natureza, em busca de um Deus reflexo do homem... então, elas amavam, lutavam contra seus ódios, elas eram amadas, eram odiadas e são uma minoria absoluta neste planeta. Mas concordo sim, que hajam pessoas que são bonitas, mas não para chamar atenção, elas já nasceram assim, às vezes, nem se dão conta de que são belas e lutam, estudam, buscam crescimento profissional e financeiro e vivendo num mundo onde ter boas amizades significa ter boas oportunidades, sim, vez ou outra são oportunistas, mas em regra, são pessoas boas que fizeram boas escolhas; há algumas que se expoem demais, tornam-se ridículas, visadas; outras perdem-se no caminho de suas escolhas e não conseguem voltar e refazer o percurso em tempo. A grande maioria é de pessoas despretenciosas, apenas aceitam-se como são, com seus altos e baixos, caem, levantam, crescem com seus erros, acertam, erram de novo e passam uma vida toda indo e vindo, acumulando pontos como num jogo qualquer, são estes pontos que definem a quantidade  de erros e acertos, de amigos e de inimigos.
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 29 giugno 2011
  ESSE É O PADRE!             O Ministério Público Federal de São Paulo ajuizou ação pedindo a retirada dos símbolos religiosas das repartições públicas.                   Pois bem, veja o que disse o Frade Demetrius dos Santos Silva.     “Sou Padre católico e concordo plenamente com o Ministério Público de São Paulo, por querer retirar os símbolos religiosos das repartições públicas… Nosso Estado é laico e não deve favorecer esta ou aquela religião. A Cruz deve ser retirada! Aliás, nunca gostei de ver a Cruz em Tribunais, onde os pobres têm menos direitos que os ricos e onde sentenças são barganhadas, vendidas  e compradas. Não quero mais ver a Cruz nas Câmaras legislativas, onde a corrupção é a moeda mais forte. Não quero ver, também, a Cruz em delegacias, cadeias e quartéis, onde os pequenos são constrangidos e torturados. Não quero ver, muito menos, a Cruz em prontos-socorros e hospitais, onde pessoas pobres morrem sem atendimento. É preciso retirar a Cruz das repartições públicas, porque Cristo não abençoa a sórdida política brasileira, causa das desgraças, das misérias e sofrimentos dos pequenos, dos pobres e dos menos favorecidos”.  Frade Demetrius dos Santos Silva * São Paulo/SP Fonte: FOLHA de SÃO PAULO, de 09/08/2009       CORAGEM É CORAGEM... verdades são verdades... PASSE ADIANTE...                                                                    "Todo mundo é composto de mudança." ( Camões )   "O que mais preocupa não é nem o grito dos violentos, dos  corruptos, dos desonestos, dos sem-caráter, dos sem-ética. "O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)   "A mente que se abre a uma nova idéia jamais volta ao seu tamanho original." (Albert Einstein)   "De tanto ver triunfar as NULIDADES, de tanto ver prosperar a DESONRA, de tanto ver crescer a INJUSTIÇA, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos DOS MAUS, o homem chega a RIR-SE da honra, DESANIMAR-SE da justiça, e TER VERGONHA de ser honesto !" (Ruy Barbosa) 
di Valquiria de Oliveira Sabato 25 giugno 2011
SINTO-ME MUDA SURDA, ACUADA EM MEUS MUROS PRESA EM LABIRINTOS DESARMARADA DESALMADA ENCLAUSURADA EM OLHOS FÉRTEIS SOLO INFÉRTIL DESEJOS OBSCUROS SENTIDOS SENSAÇÕES GOSTOS DESGOSTOS DESASTRE DE EXISTIR
di Valquiria de Oliveira Giovedì 26 maggio 2011
Amar-te-ei eternamente e quando a aurora de minha vida desfizer-se com os raios luminosos deste sol embalarei no seio nova esperança um beijo apenas, o relancear de olhares...   Minha caricatura refletida no espelho as portas do coração ainda abertas como museu aberto a exposição sem contudo deixar-se dominado sem, portanto, alcançar nova paixão sem contornos atrativos apenas relicário minh'alma refletida no espelho   Tempo passa Tranquilamente ele passa vê meu exaspero e sorri sabe que nada me pertence nem meus aflitivos dias nem as incontáveis horas de meu, neste planetinha, apenas eu e meu tolo amor   Fugi deveras de tudo fugiste, tu, tão somente de mim nossos medos nosso descontrole perdemo-nos um do outro mas, que importância terá isto? não me amates. (fato triste) enquanto eu...   Amar-te-ei eternamente.   Geanne vom Hainer Itaúna, 25/05/2011 às 19:24
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 25 maggio 2011
Eu quero a gota de orvalho, eu quero o cio, quero o devaneio de teu corpo, quero a languidez de teus olhares, quero a fome, a avidez... no quente do dia, ou da noite  o frio quero o enroscar noturno, quero a coceira no seio, que me provoca anseios, de quase querer morrer (tesão) eu quero o gosto da saliva, da tua língua a procurar a minha, do teu amor (paixão)...   Itaúna, 24/05/2011 - 20:08   Por Valquíria, como Geanne vom Hainer  
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 25 maggio 2011
Seria ótimo se a matricula da Universidade de Itaúna fosse autoprorrogável, como tantos outros contratos, validando-se automaticamente com o pagamento da boleta no mês de referência, que seria expedida como as demais boletas e entregue ao aluno. O não pagamento implicaria a rescisão, também, automática. Ou ainda, uma espécie de cancelamento temporário até que o aluno sanasse suas pendência financeiras. Acho horrível ter que ficar vigiando datas e prazos para imprimir o contrato e depois imprimir a boleta. Isso é um complicador para quem trabalha, estuda e tem família pra cuidar. Falei
di Valquiria de Oliveira Sabato 7 maggio 2011
Sinto-te tão perto Anjo! Que posso sentir teus lábios roçando-me a pele num beijo quente. roubo-te em sonhos: beijo mistura de anseios, desejo, paixão. Meu corpo todo se prepara para uma cálida entrega, contorcendo cada fibra, cada célula, na espera. Alucinada. Amo-te meu Anjo! Amar-te-ei para sempre e sinto que me amas de verdade. 06/05/2011 - 18:26
di Valquiria de Oliveira Martedì 26 aprile 2011
Rondo o imenso vácuo da cidade, em noites frias, insensatas. Esvoaçando em pensamentos, embriagada pela luz da lua teimosa que clareia meu globo ocular. Impenetráveis sentimentos de angústia misturam-se com o odor das cristalinas fontes que descem solenes pelo leito, escorrendo em minh'alma como deliciosa seiva em meus lábios. As luzes mesclam-se com as coisas, delineando espaços convexos, conexos, conspiradores... rememoro intensa formosura de dias longínquos, quando em rodados babados, longas caudas, cinturas afinadas por corpetes, bailes de mácaras, corcéis alimentados, damas e cavalheiros, mãos flutuando sobre as outras, numa honrosa reverência, acenos, lenços finos lançados ao vento recolhidos, devolvidos com olhares garbosos e cheios de langor. Recitais de poesia, audições de piano, tempos bons, furiosos e intensos como a saudade que sinto, a capoeira jogada entre as labaredas, os quitutes, as quitandas, frutas acroadocicadas, cheiros diversos num recipiente de vidro colorido, como tudo em derredor... os tambores da macumba, pretos véios em vestes alvas invejáveis, barbas num crescente grisalhar, baianas garbosas, cheias de carnes, cheias de mimos, cheias de invariável alegria. Crianças curiosas olhando pelas frestas, sentem medo de tudo, não há perigo em nada, apenas no vácuo da memória que se preenche em deambulações vaporosas como todos os nossos dias e eu olho, também, pelas frestas do tempo, trafegando entre este e outros momentos em que a cidade, não era tão fútil, tão violenta, tão sem graça. Saio do transe, estou em casa, no completo silêncio que se fez em mim, enquanto o rádio toca no quarto, minha filha dança músicas modernas, meu filho pede colo, pede cama, companhia, os cães ladram no quintal, alvoroçados pelos transeuntes desavisados, os grilos cricrilam cantigas milenares, até o computador quer dar seu grito, enquanto percorro as teclas barulhentas sob meus dedos, não tão ágeis quanto minha mente e percebo que dei vazão aos sonhos e já escrevi boa página de idéias...   VALQUÍRIA DE OLIVEIRA, Itaúna, 25 de abril de 2011.
di Valquiria de Oliveira Venerdì 22 aprile 2011
Passei meses pensando estar louca. Presa em um labirinto de conjecturações. Via-o e vendo-o em lugares tão incoerentes enlouqueci lenta e violentamente. Soube há dois dias que você lá estivera sentado a minha frente imagino, vigilante, a espera de um erro meu. Com olhos brancos fulminantes, certo, cruéis. E deixaste-me crer, em todo este tempo, que eu estivera louca?! Até onde descerá sua torpeza? quanto mal ainda haverá escondido e quantas dúvidas restarão? quanto tempo de dor e quanto amor... por quanto tempo... Um Anjo cruel A quem teria dado meu coração por quem teria dado a vida ANJO... talvez DEMÔNIO...   (20/04)
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 23 marzo 2011
o Sol e a Lua se amam em segredo   mas os dois sabem que este amor é impossível porque o Sol é imperador do dia e a Lua imperatriz da noite. eles sabem que em mundos diferentes e opostos        mesmo um grande amor não sobrevive. Tenho medo de pensar o que sinto...           o Amor precisa de laços mais fortes o Amor precisa de proximidade      o Amor necessita de beijos quentes abraços apertados, circulação sanguínea...   batimentos cardíacos apressados. o Amor precisa concretude.   Valquíria de Oliveira
di Valquiria de Oliveira Martedì 22 marzo 2011
Segundo estudos recentes,parado, fortalece a coluna; de cabeça baixa, estimula a circulação do sangue;  de barriga para cima é mais prazeroso; sozinho, é estimulante, mas egoísta;  em grupo, pode até ser divertido;no banho pode ser arriscado;  no automóvel, é muito perigoso... com frequência, desenvolve a imaginação; entre duas pessoas, enriquece o conhecimento; de joelhos, o resultado pode ser  doloroso...   Enfim, sobre a mesa ou no escritório, antes de comer ou depois da sobremesa ,  sobre a cama ou na rede,nus ou vestidos, sobre o sofá ou no tapete, com música ou em silêncio, entre lençóis ou no "closet":         sempre é um ato de amor e de enriquecimento. Não importa a idade, nem a raça, nem a crença, nem o sexo, nem a posição socioeconômica...   ...Ler é sempre um prazer !!!     DEFINITIVAMENTE, O ATO DE LER LEVA VOCÊ A DESFRUTAR E DESENVOLVER A IMAGINAÇÃO...           ...E VOCÊ ACABOU DE EXPERIMENTAR ESSE FATO...!!!   (autor desconhecido)
di Valquiria de Oliveira Sabato 12 marzo 2011
Eu tô com o coração partido. Tô com a alma, ao meio, rasgada. Tô com fome de amar e ser amada. Sou um  monte de tudo Sou do tudo um nada Tô pedindo esmolas Mendigando atenção Não me julguem mal quero um sim,ouço um não Viver... Êta arte difícil! ...minha vida.   Valquíria de Oliveira em 12 de março de 2011.  
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 9 marzo 2011
Eu sou o mal. Sou cem por cento maldade. A caixa de Pandora foi aberta dentro de minha alma. A noite habita meu coração e todos os seus designios. Tudo, dentro de mim, é trevas, dor e tristeza. Olho o futuro e não o percebo. Não vejo o futuro porque indefinido e distante. Todas as moléculas de meu corpo... cada fibra, cada gene, cada gota de sangue... tudo é mal. Meu organismo transpira maldade. Meu suor é fel, meus pensamentos fétidos como latrina de bar de beira de estrada. Meu ser é todo mal. Tenho me debatido, esperneio grito sem ouvintes. Tenho lutado contra o corpo desta Morte.   Kila Keller Oliver
di Valquiria de Oliveira Martedì 8 marzo 2011
Se o homem tiver Deus no coração e bons princípios na mente, mesmo caído não se abaterá, levantará e limpará suas roupas.   Se um homem tem bons amigos, terá apoio para se levantar. Se caído, o homem não encontrar quem o levante, então deve entristecer-se porque nunca teve amigos, mas regozijar, porque Deus é o princípio e o fim.   Em Deus estão todas as perguntas e respostas.
di Valquiria de Oliveira Martedì 12 aprile 2011
se alguém tiver que me amar que seja pelos motivos corretos eu sou honesta eu sou digna de confiança eu sou fiel eu sou capaz eu sou inteligente eu tenho bons princípios eu tenho Deus no coração Não gostem de mim pela beleza os anos passam e a beleza vai embora mas os sentimentos podem permanecer intactos porque os sentimentos só acabam se permitirmos que isso aconteçae, o que restará do amordepois que a beleza tiver acabado? Itaúna, 11/03/2011   Valquíria de Oliveira
di Valquiria de Oliveira Domenica 3 aprile 2011
Eu deixei de acreditar em muitas coisas. Não posso dizer que estou melhor nem pior por não acreditar nestas muitas coisas, apenas afirmo que estou com os pés no chão, fincados na realidade, absorvendo toda a racionalidade possível do mundo ao meu redor, mas tenho percebido que racionalidade não está no contexto de muitas pessoas, que há um desapego à razão, uma corrida maluca em busca de riquezas, glórias, fama, poder... Os seres humanos estão doentes. Eles fragelam e são fragelados cotidianamente. O desrespeito impera. A burrice impera. o Malcaratismo, a pouca vergonha, a insensatez, a luxúria... A canalhice impera. Não há nenhum esforço das massas populares para mudar a situação vigente. o "jeitinho brasileiro" já não é tão brasileiro mais, espalhou-se em muitos lugares do mundo. Modificado, com outros nomes... eu até acho, que o jeitinho brasileiro é herança genética de nossa pátria mãe, fazer o quê?! Não posso condenar a história, ela é passado. Não posso dar nome aos culpados, mas eu posso asseverar com toda dignidade que me é pertinente: não faço parte dessa corja de safados que escandalizam o mundo, por isso exijo respeito.   Valquíria Oliveira Martins
di Valquiria de Oliveira Martedì 29 marzo 2011
Sinto um gosto amargo na boca um gosto molhado de nada Eu sinto na boca um gosto na boca molhada de nada   Eu sinto do nada o gosto eu sinto do gosto o nada eu sinto... eu sinto um gosto um gosto ligeiro de nada   sem gosto, eu sinto no rosto um cheiro, palato, olfato queimando está o meu fato com gosto, com gosto de nada   de gosto, desgosto, do goto... das gotas de orvalho de nada orvalha a contagotas com gotas, serenos, navalhas.   o prumo perdi na batalha brigando, lutando por nada maldita doença da alma da alma bendita a calma   inerte diante da vida diante do mundo acalma imensos são todos os dias os dias com gosto de nada.   Theo Santos (heterônimo de Valquíria de Oliveira)
di Valquiria de Oliveira Venerdì 11 febbraio 2011
Não foi assim facinho não!!! No início, Eva não queria comer a fruta. - Come - disse a serpente astuta! - e serás como os anjos! - Não - respondeu Eva. Virando a cara para o lado! - Terás o conhecimento do Bem e do Mal - insistiu a víbora. - Cruzou os braços, olhou bem na cara da serpente e respondeu firme:Não!  - Serás imortal.  - Não! Já disse!  - Serás como Deus!  - NÃO, e NÃO! Já disse que NÃO!    Irritadíssima, quase enfiando a fruta goela abaixo, a serpente já estava desesperada e não sabia mais o que fazer para que aquela mulher, de princípios tão rígidos e personalidade tão forte comesse a fruta. Até que teve uma idéia, já que nenhum dos argumentos haviam funcionado...  Ofereceu novamente a fruta e disse com um sorrisinho maroto:    - Come, boba!!! EMAGRECE!!!!    *Foi tiro e queda!!!! *    Autor desconhecido
di Valquiria de Oliveira Sabato 5 febbraio 2011
AOS MEUS OLHOS PARECIA MÁGICO O AZUL QUE CLAREAVA SEMPRE A NOITE FRIA DE MINH'ALMA   COMO SE AZUL ETERNAMENTE ...FOSSEM OS DIAS E AS HORAS OS ARREBÓIS, OS PORES DE SÓIS   NA FIMBRIA QUE ERIGIDA SOBRE MIM A MORTE À VIDA SE AGLUTINA FAZENDO ROTOS TODOS OS MEUS SIMs E TORTOS OS MEUS AIS, OS MEUS DILEMAS   COMUGANDO O BEM E O MAL ENCONTRO PAZ NO MEIO TERMO OLHO ALÉM, VEJO NO MUNDO CAOS A MADRUGADA NO ESCURO ERMO   Theo Santos  
di Valquiria de Oliveira Sabato 5 febbraio 2011
BUSCO: dias breves e válidos Um Amor sereno e derradeiro A poesia rebuscada e completa A utopia, a plenitude.   BUSQUEI um dia: a completude dos dias Conceitos de um Amor perfeito A perfeição da Poesia A real satisfação dos meus anseios.   Não encontrei nada do que procurava Mas encontrei um homem de olhar sereno Que podia completar a poesia que escrevia E fazer-me desejar dias intermináveis.   Eu pude ver-me envelhecer ao seu lado E vê-lo assim grisalho em meu sonho! Fez me perceber que encontrara Tudo aquilo buscava.   Porque nasceu em outra vida. Morreu e renasceu Florido como um dia de primavera.   Geanne vom Hainer  
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 2 febbraio 2011
"Estou fadada a obscuridade, como uma semente quando cai na terra fria e sombria. Somente o tempo e a natureza poderão acolher-me em seus braços como resgatada dos seios da escuridão, então desponto além da negritude, uma pequena haste, que crescerá esquecida entre as ervas daninhas. Algum dia, virão peregrinos, viajantes, passantes e se esconderão sob minhas frondes. Eu serei alento em dias de calor, cobrirei-os em dias chuvosos... eu certamente vou alegrar alguém, não importa que até lá se passem séculos. Estarei arraigada e alimentarei com meus frutos os famintos... Uma bela árvore... minhas sementes reproduzir-se-ão em muitos lugares de todo o mundo. É como tem que ser."     Geanne vom Hainer"
di Valquiria de Oliveira Domenica 6 febbraio 2011
TEMOS OUVIDO FALAR EM HOMOAFETIVIDADE O TEMPO INTEIRO NOS JORNAIS, NOS PROGRAMAS DE TV ETC. Mas será que alguém já parou para pensar na palavra em si?   Para HOMO temos dois conceitos distintos: O primeiro ao de homem, "homo sapien/dis", homo que do latim significa pessoa, generalizando a raça humana, homens e mulheres indistintamente, no mesmo latim homem significa vir/il;   O segundo ao de igualdade, HOMO de origem grega de onde vieram a homonímia, homografia, homofonia, dentre outros.   Assim, em ambos os casos temos relações distintas. O primeiro como ser humano; no outro, como sinonímia de igualdade, de forma que dizer homoafetividade nada mais é que dizer a mesma afetividade  ou afetividade humana.   Nossos afetos não têm distinção de sexo, de cor, de raça, então pode-se dizer que sou homoafetiva quando amo ou quando deixo de amar, bastando para isso que eu tenha algum tipo de sentimento com relação a algo ou alguém, porque afetos é sinônimo de sentimentos e os sentimentos podem ser bons ou ruins.   A verdade é que queremos sempre criar fórmulas para denominar coisas e pessoas. Difícil, para alguns, aceitar o relacionamento homossexual, assim criam nomes para aumentar a distinção entre héteros e homos, como se a opção sexual tornasse um casal melhor ou pior que os outros, esquecendo-se que o respeito, a convivência harmoniosa, os dogmas, os paradigmas e escolhas  são realmente o que importa.   Gostaria que todos respeitassem-se uns aos outros, não estou falando de gostar das situações, apenas de aceitá-las, afinal de contas, o homossexualismo existe desde que o mundo é mundo; há alguns anos, bem mascarada, por causa dos terríveis crimes que dizimaram centenas de homossexuais em todos mundo. Mortes violentas, cruéis e dispensáveis.   Todos têm direito à vida, à liberdade de escolha e de opinião. Todos têm o direito de seguir seus próprios caminhos, de amar e de ser amado e, se a escolha de alguém for um parceiro de mesmo sexo, deve ser respeitado em seu intento. A minha liberdade está no limiar da liberdade do meu semelhante.   Então, por este motivo, digo que homoafetividade é um limitador de aparências, para indicar um casal de mesmo sexo deviam dizer homosexoafetividade, pois restrito à situação, no entanto, continuo acreditando que nenhum óbice exista à continuidade do velho termo "casal homossexual", qualquer coisa que seja usado para substituí-lo é tolice e demosntração de preconceito, com intuito de diferenciar um casal de mesmo sexo, como se isso fosse necessário. Além disso, qualquer pessoa é homoafetiva quando tem por mais de uma coisa ou pessoa o mesmo sentimento, o pai com os filhos, as mães com as filhas, o agricultor por suas culturas, o pintor com suas telas, o arquiteto com suas plantas e, se tiver um sentimento extra com relação a um deles, deixa de ser homoafetivo, porque alterada sua relaçao de sentimento para com o objeto alvo de seus afetos.   Espero ter-me dado a entender. Ja há muito tempo pensava sobre o assunto. Como educadora que sou, embora não militante, não posso esquivar-me a este comentário.   Abaixo as fórmulas discriminatórias. Objetividade é tudo. Não precisamos de mais um termo distintivo de pessoas.   A Homossexualidade pode ser tão saudável quanto a heterossexualidade quando: o respeito, a fidelidade e a sincronia forem metas para o casal, da mesma forma, qualquer relação é desgastante e crua quando faltarem estes fatores de convivência.   Itaúna, 06 de fevereiro de 2011.   Valquíria Oliveira Martins Bacharel em Letras pela Universidade de Itaúna
di Valquiria de Oliveira Sabato 22 gennaio 2011
Bom dia!!!!                          Um Grande Homem (Arnaldo Jabor)   Nós homens nos caracterizamos por ser o sexo forte, embora muitas vezes caiamos por debilidade.Um dia, minha irmã chorava em sua casa... Com muita saudade, observei que meu pai chegou perto dela e perguntou o motivo de sua tristeza.   Escutei-os conversando por horas, mas houve uma frase tão especial que meu pai disse naquela tarde, que até o dia de hoje ainda me recordo a cada manhã e que me enche de força.   Meu pai acariciou o rosto dela e disse: “Minha filha, apaixone-se por Um Grande Homem e nunca mais voltará a chorar".     Perguntei-me tantas vezes, qual era a fórmula exata para chegar a ser esse grande homem e não deixar-me vencer pelas coisas pequenas...Com o passar dos anos, descobri que se tão somente todos nós homens lutássemos por ser grandes de espírito, grandes de alma e grandes de coração, O mundo seria completamente diferente!   Aprendi que um Grande Homem... Não é aquele que compra tudo o que deseja, porque muitos de nós compramos com presentes a afeição e o respeito daqueles que nos cercam.     Meu pai lhe dizia:"Não se apaixone por um homem que só fale de si mesmo, de seus problemas, sem preocupar-se com você... Enamore-se de um homem que se interesse por você, que conheça suas forças, suas ilusões, suas tristezas e que a ajude a superá-las.Não creia nas palavras de um homem quando seus atos dizem o oposto.     Afaste de sua vida um homem que não constrói com você um mundo melhor. . Ele jamais sairá do seu lado, pois você é a sua fonte de energia...Foge de um homem enfermo espiritual e emocionalmente, é como um câncer matará tudo o que há em você (emocional, mental, física, social e economicamente)     "Não dê atenção a um homem que não seja capaz de expressar seus sentimentos, que não queira lhe dar amor. Não se agarre a um homem que não seja capaz de reconhecer sua beleza interior e exterior e suas qualidades morais.Não deixe entrar em sua vida um homem a quem tenha que adivinhar o que quer, porque não é capaz de se expressar abertamente. Não se enamore de um homem que ao conhecê-lo, sua vida tenha se transformado em um problema a resolver e não em algo para desfrutar”. Não se apaixone por um homem que demonstre frieza, insensibilidade, falta de atenção com você, corra léguas dele. Não creia em um homem que tenha carências afetivas de infância e que trata de preenchê-las com a infidelidade, culpando-a, quando o problema não está em você, e sim nele, porque não sabe o que quer da vida, nem quais são suas prioridades. Por que querer um homem que a abandonará se você não for como ele pretendia, ou se já não é mais útil? Por que querer um homem que a trocará por um cabelo ou uma cor de pele diferente, ou por uns olhos claros, ou por um corpo mais esbelto?Por que querer um homem que não saiba admirar a beleza que há em você, a verdadeira beleza… a do coração?   Quantas vezes me deixei levar pela superficialidade das coisas, deixando de lado aqueles que realmente me ofereciam sua sinceridade e integridade e dando mais importância a quem não valorizava meu esforço?   Custou-me muito compreender que GRANDE HOMEM não é aquele que chega no topo, nem o que tem mais dinheiro, casa, automóvel, nem quem vive rodeado de mulheres, nem muito menos o mais bonito.     Um grande homem é aquele ser humano transparente, que não se refugia atrás de cortinas de fumaça, é o que abre seu CORAÇÃO sem rejeitar a realidade, é quem admira uma mulher por seus alicerces morais e grandeza interior.Um grande homem é o que cai e tem suficiente força para levantar-se e seguir lutando...   Hoje minha irmã está casada e feliz, e esse Grande Homem com quem se casou, não era nem o mais popular, nem o mais solicitado pelas mulheres, nem o mais rico ou o mais bonito.   Esse Grande Homem é simplesmente aquele que nunca a fez chorar…    É QUEM NO LUGAR DE LÁGRIMAS LHE ROUBOU SORRISOS…   Sorrisos por tudo que viveram e conquistaram juntos, pelos triunfos alcançados, por suas lindas recordações e por aquelas tristes lembranças que souberam superar, por cada alegria que repartem e pelos 3 filhos que preenchem suas vidas. Esse Grande Homem ama tanto a minha irmã que daria o que fosse por ela sem pedir nada em troca...Esse Grande Homem a quer pelo que ela é, por seu coração e pelo que são quando estão juntos.   Aprendamos a ser um desses Grandes Homens, para vivenciar os anos junto de uma Grande Mulher e NADA NEM NINGUÉM NOS PODERÁ VENCER!   Envio esta mensagem aos meus AMIGOS "HOMENS", para que lhes toque o coração e tratem de fazer crescer esse GRANDE homem que vive dentro deles.   E às minhas amigas "mulheres" para que SAIBAM ESCOLHER ESSE GRANDE HOMEM QUE  DEUS TEM PARA ELAS.     Abraços!!!!
di Valquiria de Oliveira Domenica 3 ottobre 2010
Convite a todos os amigos do Face, Por Marcela Fabian:   Escuchalo por internet en:http://online.radiokanchaparlaspa.com/     Todos los sábados de 09 a 10 am(de 10 a 11 am en Argentina, Uruguay y Brasil)   Este Sábado te contamos todo lo que pasó con el Premio Peter Travesi de Teatro 2010, con audios de las obras presentadas. Te contamos como va a ser la Feria Internacional del Libro de Cochabamba y la presentación de la Revista N6 de Tropofonia.   Además en Rosario Argentina,   Ayudanos a difundir!puedes escuchar los audios de los programas de Tropofonia en argentina, brasil, uruguay y bolivia aqui:
www.tropofonia.com.ar
di Valquiria de Oliveira Venerdì 17 settembre 2010
'O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética.  O que mais preocupa é o silêncio dos bons.' Martin Luther King     Diamantina, Interior de Minas Gerais, 1914. O jovem ' Juscelino Kubitschek ', de 12 anos, ganha seu primeiro par de sapatos.  Passou fome. Jurou estudar e ser alguém. Com inúmeras dificuldades, concluiu o curso de ' Medicina ' e se especializou em Paris.  Como ' Presidente ', modernizou o Brasil. Legou um rol impressionante de obras e humilde e obstinado, era (E AINDA É ) querido por todos. Brasília, 2003.  Lula assume a presidência. Arrogante, se vangloria de não haver estudado.  Acha bobagem falar inglês. 'Tenho diploma da vida', afirma.. E para ele basta. Meses depois, diz que ' ler é um hábito chato '.  Quando era ' sindicalista ' , percebeu que poderia ganhar sem estudar e sem trabalhar - sua meta até hoje . Londres, 1940.  Os bombardeios são diários, e uma invasão aeronaval nazista é iminente.  O primeiro-ministro W. Churchill pede ao rei George VI que vá para o Canadá.  Tranqüilo, o rei avisa que não vai. Churchill insiste: então que, ao menos, vá a rainha com as filhas. Elas não aceitam e a filha entra no exército britânico; como 'Tenente-Enfermeira',  e, sua função é recolher feridos nos bombardeios.  Hoje ela é a ' Rainha Elizabeth II '. Brasília, 2005.  A primeira-dama( que nada faz para justificar o título) Marisa Letícia, requer ' cidadania italiana ' - e consegue. Explica, cândidamente, que quer ' um futuro melhor para seus filhos '. E O FUTURO DOS NOSSOS FILHOS, CIDADÃOS E TRABALHADORES BRASILEIROS ? Washington, 1974.  A imprensa americana descobre que o presidente Richard Nixon está envolvido até o pescoço no caso Watergate. Ele nega, mas jornais e Congresso o encostam contra a parede, e ele acaba confessando. Renuncia nesse mesmo ano, pedindo desculpas ao povo. Brasília, 2005.   Flagrado no maior escândalo de corrupção da história do País, e tentando disfarçar o desvio de dinheiro público em caixa 2, Lula é instado a se explicar. Ante as muitas provas, Lula repete o 'eu não sabia de nada', e ainda acusa a imprensa de persegui-lo.  Disse que foi 'traído', mas não conta por quem. Londres, 2001.   O filho mais velho do primeiro-ministro Tony Blair é detido, embriagado, pela polícia. Sem saber quem ele é, avisam que vão ligar para seu pai buscá-lo..  Com medo de envolver o pai num escândalo, o adolescente dá um nome falso.  A polícia descobre e chama Blair, ' que vai sozinho à delegacia buscar o filho '.   Pediu desculpas ao povo pelos erros do filho. Brasília, 2005.   O filho mais velho de Lula é descoberto recebendo R$ 5 milhões de uma empresa, financiada com dinheiro público. Alega que recebeu a fortuna vendendo sua empresa, de fundo de quintal, que não valia nem um décimo disso.  O pai, raivoso, o defende e diz que não admite que envolvam seu ' filhinho nessa sujeira'? ? ? Nova Délhi, 2003.   O primeiro-ministro indiano pretende comprar um avião novo para suas viagens. Adquire um excelente, brasileiríssimo ' EMB-195 ' , da ' Embraer ' , por US$ 10 milhões. Brasília, 2003.   Lula quer um avião novo para a presidência. Fabricado no Brasil não serve. Quer um dos caros, de um consórcio franco-alemão.   Gasta US$ 57 milhões e, AINDA, manda decorar a aeronave de luxo nos ' EUA '. ' DO BRASIL NÃO SERVE ' .  E você, já decidiu o que vai fazer nos próximos cinco minutos ? ? ? Vamos repassar esse e-mail para a maioria dos nossos contatos ! ! ! Vamos dar ao BRASIL uma nova chance ? ? ? Ele precisa voltar para o caminho da dignidade. Nós não merecemos o desgoverno que se instalou em nosso País e temos a OBRIGAÇÃO de acordar e lutar antes que seja tarde.  Perca ALGUNS minutos e ENVIE com todos os seus amigos.Desculpem-me meus amigos petistas, mas não dá para ficar quieto!!!!!!                       ###########################       'O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética.    O que mais preocupa é o silêncio dos bons.'  Martin Luther King     
di Valquiria de Oliveira Lunedì 23 agosto 2010
Estou pensando hoje no Amor. Não sei se ainda acredito no "Amor", ele está tão vulgarizado pela mídia que já não faz muito sentido dizer: eute amo. Quando eu digo isso a um amigo ele sempre pensa que estou pensando em algo mais do que no amor fraternal e isso é uma droga, então eu me coloco a perguntar: o que dizer aos meus amigos?! Eu te amigo?!... não seria mais fácil se amor não fosse relacionado ao sexo? O maior problema é quando você diz isso a alguém do mesmo sexo e é deixado de lado por que pensam que você é gay, e pelo "amor" de Deus, não me digam que o preconceito não existe porque está estampado na cara de um monte de gente... mas como eu não tô nem aí pro preconceito, vou colocar no meu FB que interessam-me homens e mulheres, esse país vai ter que mudar sua postura algum dia. Amo homens e mulheres, isso não implica promiscuidade, nem homossexualismo, apenas homoafetividade, que também deveriam significarcoisas diferentes, porque é possível amar homens e mulheres e não ser homossexual, droga!! todos os pais são homoafetivos, ou alguém vai me dizer que as mães amam as filhas e os pais aos filhos varões apenas?!!!! Por favor, quem ler essa nota, inclua, se tiver coragem que lhe interessam homens e mulheres, vamos quebrar esse tabu brasileiro e nos comportar como muitas pessoas de outros países: com suas vidas bem resolvidas, seus dilemas amorosos efetivados, suas conquistas afetivas regularizadas. O que há de errado em amar homens e mulheres, não foi isso que Jesus nos ensinou?: "Amai-vos uns aos outros, como eu vos amei". ?!!!!! Homoafetividade é diferente de homossexualidade e cada indivíduo tem na nossa Constituição a garantia de liberdade, dentre elas, a de escolha sexual. Beijos a todos.
di Valquiria de Oliveira Domenica 6 marzo 2011
Gostaria de compreender meu coração, que houvesse uma explicação lógica para todas as coisas, que nós, seres humanos, não fóssemos tão complexos.   Tudo que desejo, sei, os outros desejam: uma vida calma, sem contratempos, um amor seguro e maturidade para viver o amor.   Quero não sentir esta agonia... este medo de amar de novo, esta tristeza e esta solidão.   Quero olhar fixo nos olhos do outro, sem medo da excusa quero sentir-me amada e protegida. Quero, como todas as mulheres, alguém que me proteja.   Eu só não quero confundida proteção com posse por que é possível viver um amor pleno sem o sentimento de ser dono.   Não somos donos de ninguém Somos parceiros, companheiros Somos o lado da moeda, que se completa com a outra parte.   Estou auardando minha alma gêmea. Valquíria - 06/03/2011.
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 2 marzo 2011
Que imagem bela é essa?! é encanto comovente, é por-de-sol que acontece é o impor-se do homem à natureza dócil. Que bela vista temos... onde debruçamos agoniados desejando o vir d'outro dia ou da Aurora, o fado, o desenrolar da noite agitada. Que solidão me abate, devora meu corpo e minha alma desespera é um vazio intenso é dor, é fato. Que solidão me abate! tornando-me refém de mim mesmo, de meus fantasmas de meu coração.   (Theo Santos/heterônimo de Valquíria de Oliveira) 09/12/2010   Esclarecimento: ter um heterônimo homem é a tentativa de buscar a força bruta que se esconde em minhas paredes celulares e cromossomáticas. Num jorro de sentimentos fortes. É a tentativa de preencher as lacunas de uma história que eu construo e reconstruo todo dia.    
di Valquiria de Oliveira Mercoledì 16 febbraio 2011
Quando o coração está cicatrizando... vem o destino, com uma de suas lâminas afiadas e desfere contra nós novo golpe e sangramos. Sangramos com o peito rasgado, expondo nossa alma à mercê de lobos vorazes, instigados pelo odor do rubro espasmo de nós. Já não importa a dor ou a agonia, não se pode lutar contra as forças do fado. Ele cai impiedoso. Vem com suas garras afiadas, três pares de olhos. Cúrias despenadas lançam maldições às quais não podemos esquivar. Estamos sós, a batalha travada dentro é tão intensa quanto fora. Os malditos ruídos da morte, com sua dança alegre, seu vestido negro bordado: finos cristais, fios de ouro, pérolas negras pendem de seu pescoço. Seu rosto sorri melancolicamente, há prazer misturado a dor. Uma tristeza perpassa a figura imponente e esguia, obedece as ordens  recebidas. É ela a Walquíria, somos seus heróis. Dança solenemente em derredor, rituais antigos, um ritmo algo sutil, algo feliz, algo macabro, então, pára, olha-me nos olhos, sorri com benevolência, cai sobre outro vorazmente, arranca-o à vida e vai embora sem dar avisos, sem declarar razões. Ela olha de soslaio, sorri, compreende minha dor, mas sabe que ainda vão se passar décadas... nos veremos outras vezes... nos encontraremos em outros carnavais. Ela ceifará meus sonhos quando eu não mais os tiver para sonhar.   Théo Santos (16 de fevereiro de 2011)
di Valquiria de Oliveira Martedì 15 febbraio 2011
"Um pontinho de dor uma gota de veneno na bebida um pedaço de pão seco um copo de água, ainda, suja não é suficiente pra matar. A distância, a mentira, a traição, decrescendo, subtraindo, destruindo, lenta, violentamente... Isso mata. Isso fere... isso envenena a alma de quem trai, de quem é traído"                 Théo Santos.
di Valquiria de Oliveira Sabato 12 febbraio 2011
Será que algum dia terei amigos que me escutem e me falem sem segredos? Menor seria uma pena de degredo do que não ter no peito acolhedor abrigo!   Será que eu serei amiga a contento dando ombro, ouvidos e meu terno coração e conquistar mais que um amigo, um irmão a quem doar toda a doçura do meu sentimento?   Será que não me basta a falta de um amor, terei na solidão de noites longas a concretude dessa dor, terei forjado o meu coração em pedra?   será que a soletude é o que me queda nesta estrada que é deveras incerta e temerosa, ou na redenção terei Amor-amigo, a benção amorosa?   Kira Oliver - 26/10/2009
di Valquiria de Oliveira Lunedì 23 agosto 2010
Três informações úteis não divulgadas!   1. Quem quiser tiraruma cópia da certidão de nascimento, ou de